Como Controlar A Ansiedade: 07 Formas Com Passo A Passo Completo

Como controlar a ansiedade é um desafio a ser vencido para aproveitar ao máximo os momentos bons e as alegrias da vida!

Eu realmente não gostaria de começar este artigo compartilhando com você alguns dados “nada vangloriosos” sobre a ansiedade e suas vítimas.

Mas, para que se compreenda a dimensão dos problemas que a falta de controle deste mal pode desencadear repentinamente na vida das pessoas…

…É necessário abordar o assunto na sua essência, mesmo que seja complexo.

Não há dúvidas que a ansiedade é o maior mal do mundo contemporâneo.

Chega sutilmente, por caminhos distintos e sorrateiramente abala pessoas de todas as idades, que passam ao estágio de “escravidão” do seu próprio eu.

Subestimada por muito tempo, a ansiedade já é uma epidemia, que inviabiliza a vida de muitas pessoas, nos aspectos sociais e profissionais.

Os dados a seguir são alarmantes e preocupantes, e a necessidade de reverte-los é emergente.

Se você esta gostando deste artigo, compartilhe-o com seus amigos e familiares para ajuda-los, nas suas redes sociais mais importantes:

Como controlar a ansiedade já é um desafio para a saúde pública

Lamentavelmente o Brasil aparece entre os primeiros do mundo em pessoas com distúrbios decorrentes da síndrome de ansiedade.

Segundo a OMS – Organização Mundial da Saúde, quase 19% da população brasileira é acometida por algum efeito negativo da síndrome.

Na América Latina, o Brasil também está na liderança quando o assunto é transtorno da ansiedade.

De acordo com a Previdência Social, os transtornos mentais contabilizam mais de R$200 milhões de auxílios saúde, pagos anualmente.

Sendo as doenças e síndromes como:

  • a depressão;
  • crises de ansiedade e transtornos do tipo Obsessivo-Compulsivo (TOC);
  • bipolar;
  • Personalidade Borderline (TPB);
  • Esquizofrenia;
  • entre outros…

…as responsáveis por afastar muitas pessoas dos seus postos de trabalho.

A nível mundial, a situação não é muito diferente.

Dados indicam que mais de 265 milhões de pessoas sofrem com transtornos de ansiedade, e que a perda econômica pode chegar a um trilhão de dólares anualmente.

Diante disso, percebemos que a necessidade de aprender como controlar a ansiedade é crucial.

Na verdade um desafio para a saúde pública, que talvez não esteja promovendo ações mais eficientes de controle e combate as doenças psicológicas.

No artigo de hoje, procurei oferecer a você um caminho “possível” para a autoaprendizagem com foco em diagnosticar os sintomas de ansiedade.

E então elaborar novos caminhos na sua vida para controlar ansiedade naturalmente.

Espero de coração que todas as dicas sejam úteis e somem a sua querida pessoa!

Para saber como controlar a ansiedade, é necessário entendê-la

crise de ansiedade
crise de ansiedade

Para você, o que é a ansiedade?

Pode ser tanta coisa que até fica difícil de conceituar não é mesmo?

Cientificamente a ansiedade é definida como:

Um estado psíquico, onde nos sentimos apreensivos e/ou com muito medo por algo que ainda não aconteceu, mas que caso acontecesse seria muito perigoso ou desagradável.

Na verdade, sentir ansiedade é normal e comum diante de situações rotineiras como:

  • participar da seleção para um emprego;
  • quando estamos aguardando uma resposta;
  • enfim existe um fato real a ser vencido.

O que é muito diferente de “imaginar” que algo muito ruim irá acontecer e então iniciar o intenso e doloroso processo de sofrimento prévio.

Não há dúvidas que quando a ansiedade passa a fazer parte em demasia da rotina e presente em grande parte do dia.

Ela deixa de ser um sentimento “normal” e passa para o estágio de transtorno ou distúrbio.

E então, diversos inconvenientes começam a interferir negativamente na vida da pessoa que não consegue mais controlar as amarras dessa intenção premonição negativa.

Os sintomas de ansiedade são muitos e as vezes podem ser graves, como veremos a seguir.

Os sintomas da ansiedade e os reflexos no cotidiano

como controlar a ansiedade e nervosismo
como controlar a ansiedade e nervosismo

De ordem fisiológica ou psicológica, o que sabemos ao certo é que se não diagnosticada e tratada, a ansiedade pode desencadear intensas sensações desagradáveis.

Inclusive a de que está à beira da morte.

Expondo-a a um estado caótico de sobrevivência, que tem por consequência situações complexas como depressão profunda e até mesmo suicídio.

De ordem física, os sintomas da ansiedade são visíveis porque o corpo emite os sinais, como por exemplo:

  • Extremo tensionamento muscular (mandíbula apertada, músculos contraídos, mãos e punhos cerrados);
  • Fala acelerada e sem possibilidade de entendimento;
  • Muitas dores generalizadas pelo corpo (cabeça, barriga, peito, costas);
  • Enjoo, náuseas, diarreia;
  • Tonturas e fraqueza muscular;
  • Sudorese;
  • Falta de ar e respiração acelerada;
  • Taquicardia e tremor;
  • Roer as unhas;
  • Irritação e intolerância;
  • Insônia;
  • Entre outras.

Já, psicologicamente a ansiedade ataca a pessoa de forma prepotente prejudicando o desempenho diário no trabalho e na vida social, desencadeando sintomas como:

  • Muito nervosismo;
  • Dificuldade para se concentrar;
  • Preocupação acima da média em relação a tudo;
  • Descontrole sobre o que pensa;
  • Medo constante e de várias coisas;
  • Premunição negativa em relação ao futuro.

Em suma a excitação extrema ocorre devido a processos químicos no organismo decorrente de uma descarga da Noradrenalina (neurotransmissor) produzido no organismo nas glândulas suprarrenais.

Que, inclusive indicam o uso de remédios para tratar a ansiedade, quando assume proporções graves e que pode comprometer a vida da pessoa.

Quais as causas mais comuns que levam as pessoas a crise de ansiedade

sintomas de ansiedade
sintomas de ansiedade

Você bem sabe que necessitamos sentir conforto e segurança internamente para nos sentirmos bem, não é mesmo?

Sabe também que é automático nossa reação quando presumimos uma ameaça, ou seja, somos estimulados (pelo sistema nervoso) a reagir diante de perigos.

Seja com ação de uma “luta” ou fuga.

Os perigos biológicos dos “tempos da caverna” exigiam respostas rápidas (reações e ações) para proteger a vida.

Porém, hoje, não são apenas as ameaças físicas que acometem a possibilidade de viver neste mundo agitado e complexo.

Diariamente, somos bombardeados com perigos que transcendem nossa capacidade de proteção para um a mente sã e não ansiosa, como:

  • O risco imenso de perder com facilidade status, poder econômico e emprego;
  • Manter relações interpessoais, cada vez mais fragilizadas e hostilizadas;
  • Perder quem amamos;
  • Perder privilégios;
  • Estar diante de coisas novas (novos projetos, novos relacionamentos, etc.)

E principalmente não conseguir estabelecer objetivos, propósitos e sonhos para uma vida com sentido.

No dia a dia, o estado ansioso decorrente de todas as situações acima e muitas outras (pessoais) massificam os momentos produtivos, no trabalho e em outras atividades.

Muitas vezes, tornam os momentos de lazer agonizantes, como por exemplo quando a ansiedade é tamanha que gera crises de pânico.

Pior ainda é quando este movimento mental, acaba causando ineficiências na pessoa para agir e buscar ajuda a fim de encontrar formas de como controlar a ansiedade.

Contribuindo para um círculo vicioso cada vez mais difícil de ser rompido.

13 Dicas simples para você começar a agir, ter foco e motivação

Insira o seu endereço de e-mail abaixo para receber grátis este ebook único e exclusivo!>

Qual o tratamento ansiedade mais eficiente

Como controlar ansiedade é pauta diária nos consultórios médicos público e privados, clínicas de apoio, sites da internet, fóruns e seminários de psicologia…

Enfim “ansiedade” é um tema amplo, e que exige olhar atento para alavancar soluções e desbancar as estatísticas de pessoas que estão sofrendo com este mal.

Somente uma série de medidas é que garantem a melhora para quem sofre do excesso de ansiedade, inclusive com a soma de terapias químicas e holísticas.

Eu tenho me dedicado a aprender a controlar a ansiedade, e nas minhas pesquisas elaborei 7 passos muito eficientes para mim.

Divido agora com você e peço que compartilhe também com seus amigos, afinal a síndrome da ansiedade precisa ser vencida com ações humanizadas e em conjunto.

Aproveite as dicas!

Como controlar a ansiedade #01: Aprenda a controlar o estresse

sindrome de ansiedade
sindrome de ansiedade

Todos os dias deve manter o foco em não se sobrecarregar de situações estressantes, não que deva fugir dos problemas, mas sim aprender a olhar e enfrentar sem exageros.

Não tem como fugir do estresse, mas, formas para alivia-lo existem aos montes e algumas são muito eficientes.

Sugiro aprendizados e práticas holísticas como forma de controlar a ansiedade naturalmente, entre elas:

E outras, que podem ser bem específicas.

Como controlar a ansiedade #02: Busque o autocontrole momento da crise de ansiedade

tratamento ansiedade
tratamento ansiedade

Uma das técnicas utilizadas para controlar a ansiedade é a respiração consciente.

No que consiste está respiração?

Simplesmente levar ao cérebro oxigênio para melhorar a pressão sanguínea.

Os exercícios para ansiedade são baseados na respiração com técnica.

Que consiste em inspirar lentamente pelo nariz, com a boca fechada, deixar o abdômen expandir-se, estufando o peito, reter o ar e após expirar pela boca.

Você pode realizar está sequência várias vezes durante o dia.

Como controlar a ansiedade #03: Observar os alimentos que consome

controlar ansiedade naturalmente
controlar ansiedade naturalmente

Já está comprovado que o Triptofano (aminoácido gerador de serotonina) age no cérebro e influencia no humor, batimentos cardíacos, apetite, etc.

E também são poderosos para controlar ansiedade naturalmente.

Alguns alimentos ricos neste neurotransmissor são:

  • queijo;
  • castanha;
  • ovo;
  • amendoim;
  • entre outros.

É importante também, preservar as doses diárias de vitamina C, para domar o cortisol (prejudicial à saúde) aumentando o consumo de vegetais verdes e frutas diversas, principalmente as cítricas.

Ainda no quesito alimentos, as vitaminas do Complexo B também precisa estar garantida para ajudar no tratamento da ansiedade, e as melhores fontes são:

  • peixes;
  • carnes;
  • ovos;
  • levedura de cerveja em pó;
  • semente de girassol;
  • castanha do Pará;
  • soja;
  • entre outros.

Como controlar a ansiedade #04: Monitore os pensamentos negativos

o que é bom para ansiedade
o que é bom para ansiedade

Pensamentos pessimistas devem ficar longe da nossa vida se queremos afastar os sintomas da ansiedade.

O ponto principal é saber analisar as hipóteses e distinguir o que é de fato um perigo e o que é fruto da imaginação.

Nestes momentos, é fundamental iniciar o processo da respiração controlada que falei anteriormente, e então deve-se imediatamente buscar outro foco.

Como controlar a ansiedade #05: Para aliviar a ansiedade reserve tempo para si

o que é ansiedade
o que é ansiedade

Poucas pessoas reservam tempo para si, para se conhecer e se compreender e a partir de então poder estabelecer novas metas para a sua vida.

Cuidar de si, é também se organizar, mantendo harmonia e equilíbrio entre todas as áreas.

Lembre-se também de manter a motivação em alta, e se necessitar de ajuda para isso, não hesite em procurar!

Como controlar a ansiedade #06: Atividade físicas e esportes são ferramentas poderosas no combate a ansiedade

exercicios para ansiedade
exercicios para ansiedade

Os esportes e as atividades físicas, ajudam a amenizar os estados de ansiedade, porque elevam a produção de serotonina, responsável pelo bem-estar físico e psicológico da pessoa.

Não é necessário frequentar uma academia para sentir os efeitos positivos da prática de exercícios.

Atividades como, jogar vôlei com os amigos, fazer caminhadas, nadar, danças trazem excelentes resultados para controlar a ansiedade.

Como controlar a ansiedade #07: Seja o dono da sua vida

como controlar a ansiedade compulsiva
como controlar a ansiedade compulsiva

Você não pode se colocar no lugar de uma marionete.

Precisa desenvolver a autoconfiança, não protelar decisões, tão pouco pensar que as “tragédias da vida” perseguem você.

Se conhecer também é importante, porque só assim é que vai conseguir superar os limites do medo, ou os seus próprios.

Além disso, para uma pessoa com predisposição a ansiedade é essencial manter o foco no aqui e agora, confiando que o futuro não é um monstro surreal.

E como dica final, quero te lembrar que cercar-se de pessoas positivas é fundamental quando precisamos de força para controlar a ansiedade.

Aprenda como controlar ansiedade e alcance uma vida plena, com muita luz e prosperidade!

Se você gostou deste artigo, compartilhe-o com seus amigos e familiares para ajuda-los, nas suas redes sociais mais importantes: